Quinta-feira, 6 de Setembro de 2007

Enlevo (Sonetos e outros poemas)

Sempre a fantasiar, sonhar eu vou...

E para onde, amor? Inda não sei...

Quimera, fantasia, amor eu sou!

Fresco orvalho, um encanto mago eu dei...

 

Irei talvez vogar no que passou...

Recordar muitos sonhos que calei!

Viver, sem desdenhar, o que restou,

Votar ao esquecimento o que penei!

 

Virás comigo ao entardecer

Num sereno e suave enlanguescer

Beber o pôr do sol e o azul do mar?

 

Vem! Já mergulha o Sol no Oceano!

Suave, ao longe, o toque de um piano

Que nos enleva e faz extasiar!

 

Natividade Negreiros

 

000ghh15

publicado por patinha-rebelde às 12:57
link do post | comentar | favorito

*mais sobre mim

*pesquisar

 

*Fevereiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

*arquivos

*posts recentes

* Ganhar dinheiro na net

* Como ganhar dinheiro na n...

* Como ganhar algum dinheir...

* ganhar dinheiro na net, s...

* Tarot da Patrícia

* CV

* avarias

* catalogação bibliotecas

* caso precisem, contactem-...

* cadeiras e mesas em molas...

* pai bate no médico

* A tua vinda

* AMAR

* Poema dos olhos da amada

* Soneto de Amor

* pablo

* Tuas mãos

* O poço

* O amor antigo

* The Never Ending Story

* Meryl Streep in Out of Af...

* As time goes by

* Louis Armstrong - What A ...

* ATC - I'm In Heaven

* Madonna - Frozen

* Sem título

* Destruição

* Madonna - Erotica

* Amar

* Olhos verdes

*links

*subscrever feeds